Empreendedorismo Diego Coutinho

Descubra o passo a passo para montar um negócio de sucesso com pouco dinheiro

Conheça os 3 passos essenciais para quem pretende abrir uma empresa começando do zero ou com pouco dinheiro.




Montar um negócio próprio é o desejo de 8 em cada 10 pessoas que visitam esse blog e provavelmente também é o seu.

Você já se imaginou acordando pela manhã, dirigindo o carro dos seus sonhos até a sua empresa e passar o dia fazendo algo que realmente te realize profissionalmente?

A maioria das pessoas acha que isso é muito difícil e que nunca vão conseguir montar um negócio de sucesso, mas fique tranquilo.

Nesse artigo eu vou te mostrar como montar um negócio próprio começando do zero e com pouco dinheiro para investir.

Como montar um negócio do zero

Como montar um negócio do zero

O que te impede de montar um negócio próprio?

Todos os dias recebo e-mails de pessoas que desejam montar um negócio próprio, mas possuem uma ou mais das seguintes dificuldades:

# Não tenho dinheiro para montar um negócio próprio

# Não sei qual negócio devo montar

# Tenho medo de empreender e dar tudo errado

Talvez você tenha alguma dessas dificuldades também.

Eu sei exatamente como é essa situação. Em 2009 eu tinha o dinheiro para abrir um negócio, mas não fazia ideia de qual negócio montar.

Busquei informações na internet, conversei com amigos empresários, li revistas, mas não conseguia encontrar a ideia de negócio certa.

Pesquisei bastante, quebrei a cabeça por vários meses até descobrir a  melhor maneira de se escolher uma ideia de negócio.

Oportunidade de negócio

Oportunidade de negócio

1) Como escolher a ideia de negócio ideal para você

Eu percebo que, no fundo, a maior dificuldade das pessoas que desejam empreender é escolher a ideia de negócio ideal.

Muitos passam um bom tempo tentando ter uma ideia genial, original e única.

Mas isso é um grande erro.

Se você observar, os pequenos e até os grandes negócios da atualidade são versões aperfeiçoadas de ideias de negócios que já existiam.

Você não precisa de uma ideia genial de um negócio que não existe ainda no mercado.

Você precisa observar o mercado e ver o que está faltando ou o que pode ser melhorado.

Vou te dar um exemplo:

Suponha que você mora em um bairro onde não há padarias, somente comércios que compram pães de outras padarias para revender.

Para verificar se seria viável abrir uma padaria nesse bairro, você teria que saber o tamanho do mercado (quantidade de famílias) e quantos concorrentes existem.

Identificaria o perfil dos clientes para determinar a linha de produtos que seriam oferecidos.

Assim, você diminuiria bastante os riscos do negócio e ainda reduziria os custos, pois saberia exatamente o que oferecer para os clientes.

Para escolher a ideia de negócio certa para você, considere os fatores abaixo:

  • Suas habilidades
  • Seus talentos
  • Seus desejos
  • Uma necessidade de mercado

Suas habilidades

O que você sabe fazer?

Fazendo o que você já sabe, você ganha tempo e evita perdas.

“Ah, mas o que eu sei fazer aprendi no meu emprego, não posso concorrer com meu patrão…” Pode sim, não é vergonha virar concorrente do seu chefe.

Na maioria das vezes as pessoas iniciam seus negócios a partir de ideias copiadas ou modificadas dos seus empregos anteriores.

Seus talentos

O que você naturalmente faz melhor do que os outros?

Todos nós temos talentos, pode ser que ainda não tenham aflorado, mas existem.

Se você montar um negócio baseado em seus talentos suas chances de sucesso aumentarão muito.

Seus desejos

O que você gosta de fazer?

Na maior parte do tempo nós estamos trabalhando, seja para nós mesmos ou para outra pessoa. Portanto, prefira negócios que sejam ligados ao que você gosta de fazer.

Uma necessidade de mercado

Para uma ideia ser considerada oportunidade de negócio ela deve ser validada no mercado.

Entenda as necessidades do mercado e depois desenvolva o produto ou serviço que atenderá essa demanda.

Faça testes e comece pequeno, sem colocar dinheiro ou investindo pouco.

Com os resultados, você poderá analisar se é realmente algo que valha a pena investir.

Como perder o medo de empreender

Como perder o medo de empreender

2) Como perder o medo de abrir um negócio

Saiba que é normal ter medo de montar um negócio próprio. É muito comum as pessoas terem pensamentos do tipo:

“E se eu me demitir e não der certo??”

“E se minha família não me apoiar??”

“E se eu perder todo o dinheiro??”

A solução para esse problema começa com a análise dos riscos da sua ideia de negócio para tentar minimizá-los ou até mesmo eliminá-los.

Procure planejar corretamente.

Aprenda mais sobre marketing, gestão de pessoas e gestão financeira.

Descubra as tendências do seu mercado e faça um levantamento de quem serão seus concorrentes diretos e indiretos.

Faça o mesmo com as estratégias que eles usam para atrair clientes.

Isso vai te ajudar a enxergar com mais clareza os riscos e as oportunidades desse negócio.

Como conseguir dinheiro para montar um negócio

Como conseguir dinheiro para montar um negócio

3) Como conseguir dinheiro para montar um negócio

Essa é uma das principais dúvidas de quem está pensando em abrir uma empresa.

Existem muitas possibilidades de conseguir dinheiro para montar um negócio, mas nem todas são acessíveis ao pequeno empreendedor.

Dentre aquelas mais fáceis, podemos destacar as seguintes:

  • Familiares
  • Amigos
  • Bancos
  • Investidores anjos
  • Financiamentos a fundo perdido (você não precisa devolver o dinheiro).

Porém, nesse último caso sua ideia de negócio precisa ser realmente inovadora para receber os recursos.

Há linhas de crédito especiais para pequenos empreendedores que desejam abrir uma empresa.

Ao contrário do que muitos pensam, o Governo quer que as pessoas empreendam e gerem riqueza para o país.

Porém se você for fazer isso, é de crucial importância que faça da maneira correta.

FUJA de empréstimos pessoais que cobram juros altíssimos.

Estamos falando de linhas de crédito específicas para pequenos negócios.

Se você fizer uma busca na internet vai encontrar vários bancos que oferecem estas linhas de crédito.

Uma delas é o microcrédito, que é uma das linhas mais acessíveis ao microempreendedor.

Você pode conseguir valores que variam de 1 Mil a 20 Mil Reais dependendo da sua situação e da instituição.

Tenha um capital inicial e um capital de giro

O Capital inicial é o valor ou bens que você precisa para dar início ao seu empreendimento.

Comprar mercadorias, equipamentos, maquinários, locar espaço, enfim, dependerá muito do tipo de negócio que você quer abrir.

Porém além do capital inicial, você precisa de um fundo para fazer a empresa funcionar, este fundo é chamado de capital de giro.

O Capital de giro funciona como um “fôlego” para a empresa se manter nos primeiros meses de existência, onde os resultados naturalmente serão baixos.

A grande causa de fechamento de empresas apurado pelo SEBRAE é a falta de capital de giro para o negócio se manter.

Portanto, tenha em mente que esses dois fatores são essenciais para o sucesso do seu negócio.

Porém, antes de correr atrás do dinheiro, você terá que saber quanto vai precisar.

Planejar o negócio é fundamental para você reduzir os riscos e perder o medo de empreender de uma vez por todas.

O que eu te sugiro é que você dê preferência a ideias de negócios que exijam pouco dinheiro para começar.

Assim você evita dívidas e arrisca pouco.

Se não for possível começar dessa maneira, procure um parceiro que tenha interesse em investir na sua ideia.

Estruture e valide sua ideia de negócio e apresente para pessoas próximas que possam ter interesse em investir nela.

Pode ser familiares ou amigos, mas tenha cuidado ao escolher o sócio para não ter problemas no futuro, caso a parceria se confirme.

Como abrir um negócio passo a passo

Como abrir um negócio passo a passo

Quero montar um negócio, será que consigo?

É claro que você consegue.

Hoje você aprendeu a escolher uma ideia adequada, conheceu algumas alternativas para conseguir dinheiro e entendeu que é importante planejar o seu negócio.

Basicamente o que você precisa é identificar uma necessidade ou desejo que não esteja sendo atendido da maneira que as pessoas querem.

Qualquer pessoa é capaz de identificar essas necessidades e você certamente conhece algum problema mal resolvido.

Boa parte desse conhecimento que eu estou compartilhando com você, aprendi com um cara fera em negócios, o Vinicius Gonçalves.

Ele tem larga experiência em negócios, inclusive já foi consultor do Sebrae.

Uma verdade que dói

Para ter sucesso na vida é preciso investimento.

Se você quer aprender como abrir um negócio com pouco dinheiro terá que investir tempo e recursos.

Montar um negócio próprio é fácil, mas você precisa adquirir conhecimento.

Quem aprende a planejar corretamente ganha dinheiro de verdade e sem muita dor de cabeça. Exemplo disso é a história do Vinícius Gonçalves.

Ele começou do zero, literalmente, e hoje é um empreendedor bem sucedido, consultor empresarial e ministra cursos nessa área.

No início, ele não sabia por onde começar.

Não sabia qual ideia de negócio montar, não tinha dinheiro para investir e ainda tinha uma família para sustentar.

Mas ele deu a volta por cima.

Atualmente, já ajudou quase 10 mil pessoas a montar um negócio próprio e continua ajudando através de consultorias, palestras e de um curso online que ele produziu.

Ele conseguiu e você também vai conseguir.

Não é algo fácil, mas se você tiver orientação de quem entende do assunto e muita força de vontade, certamente realizará o seu sonho.

Uma dica legal é conhecer o Kit Como Abrir um Negócio criado pelo Vinícius. Tenho certeza de que esse kit vai te ajudar bastante.

Gostou do artigo? Então curta e compartilhe, pois isso nos ajuda bastante.

Se você ainda tem dúvidas deixe nos comentário.

Até mais!





Sobre o autor | Website

Empreendedor digital desde 2013 e especialista em marketing de afiliados. Quero te ajudar a empreender, seja online ou offline.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

dois × 4 =

115 Comentários

  1. Negócios lucrativos como começar disse:

    Já estou caminhando para um negócio lucrativo mas online, dê uma olhada e veja oque esta achando….yyyaaahhhhh

  2. Gemison Dias disse:

    muito bom conteúdo esta me ajudando bastante nessa jornada de abrir meu próprio negocio, perdi meu emprego recentemente e resolvi empreender. muito obrigado pelas dicas!!

  3. Lucineide disse:

    Olá, sou revendedora de cosméticos , amo o que faço. Porém, mesmo com essa crise gostaria de investir em uma sorveteria que vendesse de tudo um pouco(lanches). Mais no bairro que moro tem sorveterias. Quero uma dica, ajuda , por onde devo começar.

  4. jaqueline medeiros silva disse:

    olha j trabalho com quitandas caseiras em casa mas as vezez vejo q mezmo vendendo muito bem nnn t dando acho q nao to sabendo por preco acabo q fCo so p outriz ingredientes zei la meu sonho e ter um lanchonete porem faco tudo nessa area de salgados quitandas docez ate porque to sem grana nenhuma no meu bairo nao tem nada disso so barez (butecoz) penzo em lanchonete p ter onde ir com familia final de semana quando ninguem quer ficar em casa cozinbando q dica me da

  5. Guilherme - Manual da Liberdade disse:

    Otimas dicas.

    Todos temos muito medo de abrir o negócio próprio, porém o desejo e gigante.

    Mas de fato, dar ou não certo é questão de dedicação. Não é facil, principalmente no inicio.

    Acredito que conhecimento é a chave!

    Parabéns pelo conteúdo.

  6. Bruno Miguel da Cruz Máximo disse:

    Boa tarde Diego gostaria muito de loja onde se possa vender tudo a um preço reduzido todo o tipo de artigos na area alimentar cujo o prazo esteja quase acabar e alimentas nacionais que nao sao bonitos mas que sao de qualidade. A ideia nao é nova isto e um modelo que esta acontecer na dinamarca e o objectivo passa por chegar ás pessoas mais carenciadas e nao só. Gostaria de saber a sua opniao obrigado

  7. Helen disse:

    Estou amadurecendo a idéia de montar um negócio fora do meu estado, a minha idéia não é inovadora…mais o que eu puder observar é q lá tem uma certa carência do q quero montar…penso que seria viável. Gostaria de mais dicas suas.

  8. Monica Aparecida Viana Nunes disse:

    Olá Diego.
    Pretendo abrir uma sorveteria, produzir meu próprio sorvete e ter para épocas mais frias a opção de churros. O que você acha?
    Mas não tenho noção de como iniciar, quais os primeiros passos, fluxo de caixa, capital de giro, não entendo sobre isso.
    Poderia me ajudar com algum arquivo ou indicação de algum profissional para me auxiliar?

    Fico no aguardo.

    Muito obrigada.